Postado por em mar 28, 2012 | 5 comentários

Ser saudável e ecologicamente correto está entrando cada vez mais no dia a dia do homem contemporâneo. Primeiro foi a preocupação com os alimentos, depois com o excesso de lixo, agora com as roupas e produtos de beleza. Talvez não tenha sido nessa ordem, mas essa é a realidade cada vez mais presente em nosso meio. Semana passada fui na Feira Weekend per la Donna e le sue passioni*, que já falei em Feira da mulher em Milão: mais artesanato, menos sapato, e pude conferir de perto o quanto os produtos de beleza estão vindo com uma proposta mais saudável. Submersa neste mundo bio, me fiz duas questões sobre os produtos industrializados famosos:

  • com exceção dos profissionais da Química, quem consegue discernir a qualidade e benefícios de determinados produtos que vem no rótulo de um produto de beleza?
  • todos foram aprovados pelo controle de saúde ou existe algum critério que estabeleça um cuidado quanto os ingredientes que vão parar no contéudo dos produtos que passamos em nossos corpos, rosto, cabelo, dentes?

Isso é algo para refletirmos e estarmos atentas. Vamos as novidades da Feira.

Na primeira banca que parei, conheci os Segredos de Hammam (Segreti di Hammam), da simpática Nádia. Os “Segreti di Hammam” fazem parte da Linea Delfino, que são produtos naturais, não testados em animais e tem uma origem muito antiga.

Produtos 100%naturais

Para quem não sabe, Hammam, que significa banho ou ducha,  é o nome do local onde as pessoas tomam  banho para embelezamento e purificação do corpo.  São encontrados em países como Marrocos e Turquia. Funciona como um spa, onde é possível relaxar numa sauna, lavar-se com o famoso sabão preto feito de óleo de oliva e que prepara a pele para a esfoliação com uma luva especial, a Kassa. O resultado é uma pele lisa, livre de células mortas, além de prevenir a formação de celulites. Eu tive a oportunidade de experimentar, já que ganhei da Nádia um kit com o sabão preto e a luva. O resultado foi como o prometido. A luva me deu a sensação de lixa de pé devido sua aspereza, mas valeu a pena.

Fiquei tão encantada com os produtos que não sai de lá sem comprar o sabão de Aleppo, feito do óleo de oliva e de louro. Ele é de origem síria e é feito pelos mestres da arte de fazer sabão da cidade de Aleppo há 1500 anos. É o sabão mais antigo do mundo. O segredo da fama desse sabão é que ele, além de ser rico em vitamina E, reestabelece o PH e é muito bom para quem tem alergia. Uma curiosidade muito interessante é que este sabão fica secando ao sol e vento da Síria por nada menos que 12 meses!  Além desses produtos, também existe toda uma linha de óleos, cremes, cera para depilação, entre outros, todos 100% natural.

sabão mais antigo do mundo

Outras duas marcas que trabalham com produtos biológicos são a Attirance e Dea Oliva. Comprei um creme para o corpo infantil da Attirance. O perfume não me agradou plenamente, mas queria trazer algo 100% natural para passar no filhão. Na Dea Oliva comprei um creme de mãos e foi totalmente aprovado por mim, além do perfume ser maravilhosamente suave, deixa as mãos incrivelmente macias e com uma sensação aveludada. Recomendo!

E minha última experiência foi com a Yin Yang. A banca deles não tinha nenhum atrativo como vocês podem conferir nesta foto abaixo.

No entanto, acabei visitando-a para ver o que era aquele empilhamento de vidrinhos. Havia um cheiro forte de menta ao redor da banca o quê quase me fez desistir, já que naquele momento eu estava com dor de cabeça chata. Para minha surpresa, a atendente Martina me oferece para experimentar o famoso óleo vegetal do Japão. Este óleo é extraído da menta vulcânica asiática e é considerado um remédio natural. Ele serve para literalmente um zilhão de coisas que vão do físico ao emocional. Pode ser usado em massagens como também pode-se beber. O valor é bem alto, um vidrinho de 10ml custa um pouco mais de €15,00, mas rende muito, já que se usa apenas 1 gotinha. Um vidro de 10ml rende 300 gotas.

Estar neste ambiente e conhecer esse novos produtos me faz refletir sobre a importância do que usamos. Nunca fui muito preocupada com os ingrientes que constituem um produto que consumo. No entanto, isso mudou um pouco depois que me tornei mãe e agora, conhecendo melhor as novidades da área eco, me pego pensando duas vezes antes de consumir algo. E você faz alguma seleção na hora de comprar? Tem algum preferência?

Amanhã trago outras novidades da Feira.

Um abraço

{Daniela}

*Final de semana da mulher e suas paixões.